Gravatá pode sofrer intervenção e prefeito ser afastado

Depois de acatar um pedido do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PE) para apurar irregularidades no município de Gravatá, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendará ao Poder Judiciário (TJPE) a intervenção na região. O prefeito Bruno Martiniano (sem partido), além das denúncias apontadas no parecer do TCE-PE, e agora do MPPE, enfrenta denúncias no Ministério Público Federal e na Polícia Federal, além de investigação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Câmara de Vereadores da cidade.

“Nós (do MPPE) fizemos o exercício do poder de ação, oferecendo a representação e mostrando ao Judiciário a necessidade da decretação desta intervenção no município de Gravatá, levando a documentação necessária e pedindo que a decisão seja no sentido que essa intervenção se faça através do decreto do Poder Executivo no município de Gravatá”, explicou o promotor Carlos Guerra.

“O governador (Paulo Câmara) vai analisar o caso. Vai decretar, se ele achar conveniente, a intervenção e a amplitude. O prazo dessa intervenção vai estar no conteúdo do decreto. O decreto do poder executivo é quem vai estabelecer a plenitude dessa intervenção”, completou. Daniel Leite - Folha de Pernambuco.

Contato com o Blog: redacaojuniorduarte@gmail.com
Telefone:(81) 8779-3763
Google +

Quem é Júnior Duarte

Um cidadão que acredita no poder da transformação das coisas e das pessoas através do pleno conhecimento dos direitos e deveres de cada um. Meu maior instrumento de luta por uma sociedade justa e igualitária é a informação livre e imparcial.
    Comente com o Google+
    Comente com o Facebook

0 comentários :

Enviar um comentário

Os comentários aqui postados, são de inteira responsabilidade de seus autores.

Copyright © BLOG JÚNIOR DUARTE
Desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL
HOME     PERFIL     VÍDEOS     ENTREVISTAS     CONTATOS
facebook    twitter        soundcloud    youtube    google+