Paulo Câmara nega que tenha assinado manifesto em favor de Dilma

Em nota envida da imprensa de Pernambuco, o governador Paulo Câmara (PSB) desautorizou o colega cearense Camilo Santana (PT) falar em seu nome. 

O governador do Ceará foi o autor de uma manifesto de apoio ao mandato da presidente Dilma que passou essa semana a enfrentar um processo de impeachment.


Em determinado trecho da nota, o socialista diz que o tal manifesto não tem sua participação e o seu partido (PSB), não votou nem na presidente da República e nem no presidente da Câmara dos Deputados. Paulo Câmara defendeu o afastamento de Cunha da presidência do Congresso e a retomada do crescimento. Ele não quis externar qual sua posição em relação ao afastamento de Dilma.

Contato com o Blog: redacaojuniorduarte@gmail.com
Telefone:(81) 8779-3763
Google +

Quem é Júnior Duarte

Um cidadão que acredita no poder da transformação das coisas e das pessoas através do pleno conhecimento dos direitos e deveres de cada um. Meu maior instrumento de luta por uma sociedade justa e igualitária é a informação livre e imparcial.
    Comente com o Google+
    Comente com o Facebook

0 comentários :

Enviar um comentário

Os comentários aqui postados, são de inteira responsabilidade de seus autores.

Copyright © BLOG JÚNIOR DUARTE
Desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL
HOME     PERFIL     VÍDEOS     ENTREVISTAS     CONTATOS
facebook    twitter        soundcloud    youtube    google+