Enem tem inscrição mais cara e governo bate recorde de arrecadação

A atual edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016 tem a inscrição mais cara da história e bate recorde no valor arrecadado. Por outro lado, é previsto que os custos para os cofres públicos também subam. Será o maior desde 2009, ano que a prova passou a ser aplicada no formato que possui hoje, segundo o portal G1.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), as 8,732 milhões de inscrições arrecadaram R$ 136,2 milhões. Em média, descontando os gastos, o custo médio por aluno será de R$ 74,67 neste ano.

Em 2015, o então ministro Renato Janine Ribeiro afirmou que o custo médio por aluno seria de R$ 52, porém, ficou em R$ 76,59. O MEC explica que o valor apresentado é uma estimativa, já que os custos variam de acordo com o vários fatores, como a quantidade de alunos que realizarem a prova.

"O pagamento da correção, só será realizado para o número de participantes que efetivamente realizarem a prova. Portanto, qualquer afirmação, neste momento, do gasto efetivo para o Enem 2016, não é exata", afirmou representante do MEC. Notícias ao minuto

Contato com o Blog: redacaojuniorduarte@gmail.com
Telefone:(81) 9 8779-3763
Google +

Quem é Sávio Duarte

Um cidadão que acredita no poder da transformação das coisas e das pessoas através do pleno conhecimento dos direitos e deveres de cada um. Meu maior instrumento de luta por uma sociedade justa e igualitária é a informação livre e imparcial.
    Comente com o Google+
    Comente com o Facebook

0 comentários :

Enviar um comentário

Os comentários aqui postados, são de inteira responsabilidade de seus autores.

Copyright © BLOG JÚNIOR DUARTE
Desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL
HOME     PERFIL     VÍDEOS     ENTREVISTAS     CONTATOS
facebook    twitter        soundcloud    youtube    google+