Mercado pet se transformou em negócio milionário

Uma pesquisa constatou que a presença dos animais de estimação é crescente nos lares. Nos Estados Unidos, Japão, como também no Brasil o número de animais que convivem com as famílias supera a de crianças até os doze anos. 

Os dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), há cada cem famílias, 44 criam animais e só 36 têm crianças até doze anos de idade. A referida pesquisa foi realizada em 2013 e seus dados foram processados e publicados tão somente em 2015. A explicação se deve pela razão da diminuição dos índices de natalidade, aliada ao aumento da população idosa, cujos filhos já saíram de casa, e os animais ocupam espaços importantes nesses grupos familiares. 

O mercado de produtos e serviços para animais de estimação não sofreu grandes retrações frente à recessão econômica. De acordo com os dados da Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), em 2016, o setor faturou R$ 19 bilhões no Brasil – crescimento de 5,7% em relação a 2015, quando fechou em R$ 18 bilhões. Já no ranking mundial, o Brasil é um dos principais países do mercado pet, ocupando o terceiro lugar no faturamento, representando 5,3% de US$ 102,2 bilhões até setembro de 2016. 

Os países que mais faturam no setor são: os Estados Unidos com 42% do faturamento total, seguido pelo Reino Unido (6,7%), Brasil (5,3%), Alemanha (5,1%), França e Japão (ambos 4,6%). Em 2016, a alimentação para os animais foi o principal segmento da indústria nacional, responsável por 67,6% do faturamento total. Os serviços representaram 16,4%, os equipamentos, acessórios, produtos de higiene e beleza, com 8,2% e medicamentos, 7,8% do faturamento total do mercado. O ramo pet é considerado como oportunidade de negócio para empreendedores micro, pequeno e médio, em virtude dos números apresentados.

Curiosidade: Recentemente, foi publicado na Revista Science, que os cachorros amam seus donos com o mesmo amor devotado de um bebê por sua mãe. Na medida em que a convivência com seus donos for benéfica, aumenta a produção da oxitocina, conhecida como "molécula do amor". Por isso, considera-se que o amor que o "melhor amigo do homem" sente por seus donos é inabalável. Fonte: Noticiaextra.com

Contato com o Blog: redacaojuniorduarte@gmail.com
Telefone:(81) 9 8779-3763
Google +

Quem é Júnior Duarte

Um cidadão que acredita no poder da transformação das coisas e das pessoas através do pleno conhecimento dos direitos e deveres de cada um. Meu maior instrumento de luta por uma sociedade justa e igualitária é a informação livre e imparcial.
    Comente com o Google+
    Comente com o Facebook

0 comentários :

Enviar um comentário

Os comentários aqui postados, são de inteira responsabilidade de seus autores.

Copyright © BLOG JÚNIOR DUARTE
Desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL
HOME     PERFIL     VÍDEOS     ENTREVISTAS     CONTATOS
facebook    twitter        soundcloud    youtube    google+