China bloqueia completamente o WhatsApp

O governo chinês bloqueou completamente nesta segunda-feira, 25, o acesso dos cidadãos locais ao aplicativo de mensagens WhatsApp. As informações são do jornal norte-americano The New York Times, citando relatórios da Symbolic Software, empresa francesa que monitora a censura digital na China.

Nos últimos meses, algumas funções do WhatsApp, como envio de fotos e mensagens de áudio, já vinham sendo bloqueadas pelo governo local. Agora, no entanto, até mensagens de texto não estão sendo enviadas. "O bloqueio agora é total", disse Nadim Kobeissi, da Symbolic Software, em entrevista ao site norte-americano The Verge.

"Levou tempo para que o Grande Firewall Chinês [nome da barreira de segurança que impede que os chineses acessem sites como Google e Facebook] conseguisse barrar os protocolos usados pelo WhatsApp", disse Kobeissi, que disse que os bloqueios começaram na última semana.

O Grande Firewall Chinês é uma medida adotada pelo governo chinês para evitar a divulgação de notícias sensíveis da esfera política, bem como dificultar a organização de movimentos políticos e sociais de protesto ao comando do país liderado pelo Partido Comunista Chinês.

Hoje, o WhatsApp não é exatamente popular na China – o app local WeChat tem a preferência dos usuários chineses –, mas é bastante usado pela população para se comunicar com estrangeiros. Outra diferença entre os dois aplicativos é que, enquanto o WhatsApp tem criptografia, o WeChat libera dados de seus usuários para o governo local.

O WhatsApp era um dos poucos aplicativos do Facebook que ainda funcionavam na China -- a rede social foi banida do País em 2009. Hoje, o único app da empresa que ainda pode ser usado livremente no país asiático é o Colorful Balloons.

De acordo com os usuários chineses, o único jeito possível de usar o WhatsApp é usando serviços como VPN (rede privada virtual, na sigla em inglês). Eles permitem que as pessoas acessem uma conexão privada para ter um acesso aos servidores do serviço de mensagens que ficam no exterior. Fonte: Estadão 

Contato com o Blog: redacaojuniorduarte@gmail.com
Telefone:(81) 9 8779-3763
Google +

Quem é Júnior Duarte

Um cidadão que acredita no poder da transformação das coisas e das pessoas através do pleno conhecimento dos direitos e deveres de cada um. Meu maior instrumento de luta por uma sociedade justa e igualitária é a informação livre e imparcial.
    Comente com o Google+
    Comente com o Facebook

0 comentários :

Enviar um comentário

Os comentários aqui postados, são de inteira responsabilidade de seus autores.

Copyright © BLOG JÚNIOR DUARTE
Desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL
HOME     PERFIL     VÍDEOS     ENTREVISTAS     CONTATOS
facebook    twitter        soundcloud    youtube    google+