Startup fatura R$ 11,8 milhões com cofre inteligente

Durante três anos e meio, o administrador paulistano Victor Levy, 44, decidiu ver o mundo e se aventurar por diferentes países. Todavia, em 2011, ele mudou de ideia e voltou sua atenção ao Brasil. Ele queria aproveitar a experiência de empreendedor que havia adquirido nos Estados Unidos – onde fundou uma empresa de tecnologia – e criar uma solução para um problema nacional: a falta de troco no comércio. Empenhado nesse propósito, Levy criou a startup Cata Company e, após dois anos de estudo e desenvolvimento, concebeu a tecnologia do CataMoeda.

Primeiro projeto da startup, o CataMoeda é um equipamento para estabelecimentos comerciais em que clientes podem depositar moedas e trocar por vale compras, dinheiro em nota ou doar o valor para instituições de caridade. “Resolvi desenvolvê-la porque me chamava muito a atenção que, em todo comércio brasileiro, o caixa costuma ficar implorando por moedas. Isso, às vezes, pode travar as vendas e trazer prejuízos consideráveis quando não se tem troco para dar ao cliente”, afirma Levy. “Também o custo de transporte para o comerciante pedir moedas ao banco é mais alto do que o valor da moeda em si e muitas pessoas têm moedas abandonadas ou esquecidas em algum canto”, completa.

O equipamento, que é operado pelo próprio comerciante, é conectado a um sistema na nuvem que contabiliza qual o valor em moedas que a máquina arrecadou, fornecendo uma gestão remota e em tempo real do fluxo que está entrando no caixa. Essa máquina já está sendo utilizada por cerca de 400 estabelecimentos varejistas (desde supermercados pequenos, médio e grande porte à farmácias, lojas de conveniência de postos de gasolina e terminais de ônibus) em 21 estados brasileiros e o Distrito Federal. A tecnologia também é internacional: é possível encontrar postos do CataMoeda (que ganha o nome de CataCoin no estrangeiro) nos Estados Unidos e Austrália.

Após os resultados positivos com o CataMoeda, Levy decidiu continuar a criar novas soluções tecnológicas para o varejo e também para o setor financeiro. A partir de 2016, com um investimento de R$ 7 milhões, a startup passou a produzir uma nova linha de produtos: os cofres inteligentes CataCash. Fonte: Pequenas empresas e grandes negócios 

Contato com o Blog: redacaojuniorduarte@gmail.com
Telefone:(81) 9 8779-3763
Google +

Quem é Júnior Duarte

Um cidadão que acredita no poder da transformação das coisas e das pessoas através do pleno conhecimento dos direitos e deveres de cada um. Meu maior instrumento de luta por uma sociedade justa e igualitária é a informação livre e imparcial.
    Comente com o Google+
    Comente com o Facebook

0 comentários :

Enviar um comentário

Os comentários aqui postados, são de inteira responsabilidade de seus autores.

Copyright © BLOG JÚNIOR DUARTE
Desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL
HOME     PERFIL     VÍDEOS     ENTREVISTAS     CONTATOS
facebook    twitter        soundcloud    youtube    google+